sábado, 30 de julho de 2016

Osho

"O rio passa ao lado de uma árvore, cumprimenta-a, alimenta-a, dá-lhe água... 
E vai em frente, dançando.
Ele não se prende à árvore. 
A árvore deixa cair suas flores sobre o rio em profunda gratidão, 
E o rio segue em frente.
 O vento chega, dança ao redor da árvore e segue em frente. 
E a árvore empresta o seu perfume ao vento... 

Se a humanidade crescesse, 
amadurecesse, essa seria a maneira de amar."

Abraços!

terça-feira, 21 de junho de 2016

Sem pressa!

Temos pressa. A comida é fast, o e-mail é urgente, o macarrão é instantâneo, a reunião é de emergência. Se o livro é chato, paramos de ler. Se o filme é ruim, mudamos. Se não gostamos da música, trocamos. Não aguentamos esperar ao telefone, nos irritamos quando não nos atendem imediatamente no restaurante, na loja, na fila do supermercado, na consulta médica. Porque a nossa fome é maior, a nossa saúde é mais importante, o nosso apuro é impreterível. Não suportamos atrasos, mesmo que — sem admitir — sempre estejamos atrasados.
Aqui






Há tanta falta de atenção de uns para com os outros nesses tempos de correria
em busca de dinheiro e coisas, que nos esquecemos de que estamos apenas 
de passagem pela vida. É bom  se sentir gente entre pessoas que, como nós mesmo, lutam, sofrem, trabalham e choram. Pessoas que amam,que sonham, que buscam um lugar ao sol, e que desejam ser,
simplesmete gente!


ABRAÇOS!

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Viagem!





Gente que vai
Gente que vem
...Sonhos da janela do trem
Crianças, mães, olhares anônimos
Viagem com destino certo
Sonhos sem destino
Entre passado e futuro
Amor bandido
Desabafo em lagrimas
Fogo da paixão
È hora!
No balanço do trem
Sonhos sem destino
Vidas separadas
Até o próximo
Balanço do trem!

Abraços!

quarta-feira, 27 de abril de 2016

Caminho de volta!


Até o ano passado eu ainda estava indo
Indo morar no apartamento mais alto do prédio mais alto do bairro mais nobre. Indo comprar o carro do ano, a bolsa de marca, a roupa da moda.
Claro que para isso, durante o caminho de ida, eu fazia hora extra, fazia serão, fazia dos fins de semana eternas segundas-feiras. Até que um dia, meu filho quase chamou a babá de mãe!
Mas, com quase quarenta, eu estava chegando lá. Onde mesmo? No que ninguém conseguiu responder, eu imaginei que quando chegasse lá ia ter uma placa com a palavra “fim”. Antes dela, avistei a placa de “retorno” e nela mesmo dei meia volta.
Comprei uma casa no campo (maneira chique de falar, mas ela é no meio do mato mesmo). É longe que só a gota serena. Longe do prédio mais alto, do bairro mais chique, do carro mais novo, da hora extra, da babá quase mãe
Agora tenho menos dinheiro e mais filho. Menos marca e mais tempo.
E não é que meus pais (que quando eu morava no bairro nobre me visitaram quatro vezes em quatro anos), agora vêm pra cá todo fim de semana? E meu filho anda de bicicleta, eu rego as plantas e meu marido descobriu que gosta de cozinhar (principalmente quando os ingredientes vêm da horta que ele mesmo plantou).
Por aqui, quando chove, a Internet não chega. Fico torcendo que chova, porque é quando meu filho, espontaneamente (por falta do que fazer mesmo) abre um livro e, pasmem, lê. E no que alguém diz “a internet voltou!” já é tarde demais porque o livro já está melhor que o Facebook, o Twitter  juntos.
Aqui se chama “aldeia” é tal qual uma aldeia indígena, vira e mexe eu faço a dança da chuva, o chá com a planta, a rede de cama. No São João, assamos milho na fogueira. Aos domingos, converso com os vizinhos. Nas segundas, vou trabalhar, contando as horas para voltar.
Aí eu me lembro da placa “retorno” e acho que nela deveria ter um subtítulo que diz assim: “retorno – última chance de você salvar sua vida!” Você provavelmente ainda está indo. Não é culpa sua. É culpa do comercial que disse: “Compre um e leve dois”. Nós, da banda de cá, esperamos sua visita. Porque sim, mais dia menos dia, você também vai querer fazer o caminho de volta!
ABRAÇOS!

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Minha cirurgia!

    

Ileostomia é uma derivação intestinal, efectuada ao nível do intestino delgado (ileon), onde se exterioriza o ileo pela parede abdominal, formando um novo trajecto e uma abertura para a saída das fezes (estoma).
Após a ileostomia, o paciente utiliza uma bolsa especial (saco-prótese) apensa ao abdómen para que suas fezes sejam colectadas. As bolsas são finas e ajustáveis ao corpo, não sendo notado o seu uso.
A ileostomia é frequentemente efectuada nos casos intratáveis de colite ulcerosa, na doença de Crohn (enterite regional), no carcinoma do cólon e recto, na retocolite ulcerativa, doença de Chagas e perfurações causadas por armas de fogo ou objetos perfuro-cortantes, entre outros. Esse procedimento pode ser realizado de forma definitiva, ou de forma provisória, dependendo do tipo de tratamento e da gravidade da afectação.( No meu caso foram obstruções devido a divertículos)
Na ileostomia as fezes são mais líquidas e agressivas para a pele. Estas passariam ao intestino grosso, onde seria absorvida a água, tornando as fezes mais solidas. Como o cólon não está funcionante, o intestino delgado vai, com o passar do tempo, assumir em parte essa função. Os gases e os cheiros resultado do processo digestivo são reduzidos. Pelo facto da ileostomia drenar constantemente conteúdo liquido intestinal, a absorção de gordura e de vitamina B pode apresentar-se reduzida. As perdas de sódio e potássio são aumentadas. A ingestão de líquidos é por isso uma prioridade e deve ser sempre de, no mínimo, dois litros por dia. 
A palavra estoma tem origem na palavra grega “stóma” e exprime a ideia de boca. É a abertura cirúrgica que permite a comunicação entre um órgão interno e o meio exterior. O estoma caracteriza-se por uma coloração vermelho vivo, sendo elástico ao toque e insensível à dor. Contudo, por se tratar de uma mucosa, é sensível e pode sangrar se for esfregado, ou trilhado.
Fiz a cirurgia dia 11 de junho , mas devido a uma embolia pulmonar , só vou poder reverter em 15 de Fevereiro!.....graças a Deus está no final!
Emagreci 19 kg, mas já recuperei parte deles,  tive vários incidentes com a bolsa, sempre pude comer  e  beber de tudo. Senti dores nos 4 primeiros meses , depois foi tranquilo!

 Abraços

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Vida!



É interessante observar os movimentos de nossas mudanças interiores. Nem sempre sabemos identificar o nascimento da inadequação que gera todo o processo. O fato é que um dia a gente acorda e percebe que a roupa não nos serve mais. Como se no curto espaço do descanso de uma noite a alma sofresse dilatação, deixando de caber no espaço antigo onde antes tão bem se acomodava.
 É inevitável. Mais cedo ou mais tarde, os sonhos da juventude perdem o viço. O que antes nos causava gozo, aos poucos, bem aos poucos, deixa de causar.

(Trecho do livro "Tempo de Esperas"
imagem daqui 

 

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

FELIZ ANO NOVO!



O ritual de comemoração do Ano Novo tem a sua origem intimamente ligada à natureza, aos ciclos planetários, às fases da lua e à agricultura , daí a idéia de recomeço, de
 re-acordar
 Todo esse “rito de passagem” mexe com a sensibilidade das pessoas.
 E sugere medo e esperança. 
 Ritos e supersticões  acompanham as comemorações de Ano-Novo, até nos dias de hoje. 
 Os orientais acreditam que a energia entra pelos pés. Para não falar na escolha das cores: o amarelo, dinheiro; o vermelho, paixão; o azul, tranquilidade e o branco (campeão), harmonia, paz.  São rituais, cujo objetivo é espantar a má sorte e garantir prosperidade. Só que esse impulso funciona de fora para dentro...os pedidos,o pensamento positivo,  e é necessário muita energia para atingir a plenitude.
.
Vamos passar do velho para o novo da melhor forma possível!
sempre agradecendo o DOM da  VIDA!

Nenhum espetáculo é mais lindo do que fogos de artíficio multicolorindo o céu.

 (E lá vai a marchinha: que tude se realize, no ano que vai nascer: muito dinheiro no bolso, saúde pra dar e vender).

Feliz Ano Novo a todos!




quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

ipomea!





 AS TREPÁDEIRAS IPOMEAS
 se proliferam com muito vigor, e além de sua beleza tem o poder 
de purificar...
 Esta característica, de purificadora, torna essa essência floral indicada na recuperação dos usuários de drogas e de todos aqueles que possuem estilos de vida desregrados, auxiliando a alma a se libertar dos vínculos e das dependências que as tiram a oportunidade de viver dentro do mundo real e alcançar seu propósito de vida, para expandir a energia do corpo, abrindo a mente para novas ideias. Outra característica é o seu caule principal, que é maleável e mole, deitando sobre as plantas ou cercas, significando que a pessoa se apoia nas outras precisando do apoio dos outros para se manter de pé, como desestruturados emocionalmente, além disso, suas hastes se entrelaçam entre si formando um pseudo tronco, suficiente para elevar as partes superiores acima das outras plantas, significando a necessidade de viver em bando para poder sobreviver, como adolescentes. A estrutura da planta mostra sua necessidade de procurar sustentação, olhando esta característica podemos ver que a essência floral desta planta é indicada para aqueles que vivem à custa do outro, mas que querem superar esta dependência, se expondo também ao brilho do sol.
Abraços!

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Então é Natal -

Participando da BC da amiga 



Deem uma espiadinha , fácil e rápidinho

 Gosto de muitas músicas de Natal , mas essa é especial!

.

...Que Cristo lembre alegria
Não somente nos Natais
Mas que nasça todos os dias 
nos corações fraternais!





Bom Natal


bjsssssssssssssssssssss


quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Feliz Natal!





Feliz Natal amigos!

Que esse dia e muitos outros sejam muito especiais.
Que os sonhos se realizem, e lembrem-se tudo é possível com amor,  carinho e compreensão.


"A Melhor mensagem de Natal é aquela que sai em silêncio de nossos corações e aquece com ternura os corações daqueles que nos acompanham em nossa caminhada pela vida."

Muita paz,  e amor ao próximo!
 Abraços!